Cultura Chinesa

Um território de grande extensão, uma população de 1,3 bilhões de habitantes (2015),  56 grupos de etnias, com sua própria língua e costumes, contribuíram ainda mais para enriquecer a cultura da China.  Durante os mais de 4 mil anos de história do país, foram se criando diversos costumes, crenças, celebrações, que se espalharam por todas as suas províncias.

Entre os vários temas da cultura chinesa destacamos: Artes Marciais, Dança do Leão e Dragão, Filosofia e Religião, Horóscopo Chinês, Festivais, Cultura do Chá, Gastronomia, Tradições, Supertições, Cerâmica, Música, Teatro, Arquitetura, Medicina Chinesa e Idioma.

Dança do Leão

guia-para-iniciantes

 

tabus-importantes

leoes-nao-sao-dragoes

a-origem-da-danca-do-leao

o-que-e-a-danca-do-leao

tipos-de-leao

anatomia-de-um-leao

um-leao-em-performace

o-personagem-que-auxilia

o-que-fazer

 

Dança do Dragão

A Dança do Dragão é uma forma de dança e de espetáculo tradicionais na cultura chinesa. Como a, dança do leão, vê-se mais frequentemente em celebrações festivas. Os chineses frequentemente usam o termo “Descendentes do Dragão” como um sinal de identidade étnica.

danca-do-dragao

Em ocasiões de bom augúrio, incluindo o ano novo chinês, abertura das lojas e residências, os festivais incluem frequentemente dança com fantoches de dragão. Estes fantoches são feitos “sob medida” de pano e madeira e manipulados por uma equipe de pessoas. Elas carregam o dragão com varas no centro de atração e executam movimentos coreografados ao acompanhamento de tambor e música. Os dançarinos levantam, mergulham, empurram, e movem a cabeça, que pode conter as características animadas controladas por um dançarino e às vezes é equipada para soltar o fumo dos dispositivos pirotécnicos. A equipe de dança imita os supostos movimentos deste espírito do rio em uma maneira sinuosa, ondulada. Os movimentos tradicionais no espetáculo simbolizam papéis históricos dos dragões que demonstram o poder e a dignidade. A dança do dragão é um destaque das celebrações Ano Novo Chinês espalhado pelo mundo inteiro em bairros chineses.

Acredita-se que os dragões trazem boa sorte as pessoas, que é refletida em suas qualidades que incluem o poder, a dignidade, a fertilidade, a sabedoria e o bom augúrio . A aparência de um dragão é assustadora e audaciosa mas tem uma disposição benevolente, e se transformou algumas vezes então num emblema para representar a autoridade imperial.

Site desenvolvidor por